quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

OS LIVROS BÍBLICOS ALINHADOS ÀS LETRAS 3 E 7 DO ALFABETO HEBRAICO – UMA SIMETRIA SIMPLES, CLARA E SURPREENDENTE




Deus autenticou a Sua Palavra usando a Matemática. Trinta anos atrás eu apenas suspeitava. Hoje, tenho a certeza. E as provas. E tenho registrado essas provas nos 333 capítulos da Enciclopédia Arquivo7.

          Entre tantas evidências existem aquelas complexas, envolvendo cálculos gigantescos, equações pesadas, mas de resultados impressionantes. E existem aquelas simples de se provar, simples de se calcular, porém, de resultados surpreendentes.

          O alfabeto hebraico (usado na elaboração da maior parte da Bíblia) possui 22 letras. A conexão entre esse alfabeto e a Palavra de Deus é tão grande que, em muitas passagens, existem claros arranjos literários ou jogos de palavras com as 22 letras hebraicas (um dos exemplos mais conhecidos é o Salmo 119).

          Em síntese: o Salmo 119 possui 176 versículos. Cada grupo de 8, no original, começa com a mesma letra hebraica, na ordem em que aparece no alfabeto. Por exemplo, os primeiros 8 versículos começam com a letra ÁLEF, no segundo grupo de 8 versículos (do 9 ao 16), todas as frases começam com a letra BEIT, etc.

          São 176 versículos, ou seja, 8 x 22.

          Se colocarmos as 22 letras do alfabeto hebraico ao lado dos 66 livros bíblicos, teremos que repetir o alfabeto exatas 3 vezes. E, se destacarmos somente os livros que estão nas mesmas linhas que as letras 3 e 7 do alfabeto (conforme as imagens desta postagem), a soma final do total dos capítulos dos livros selecionados será exatamente igual a um dos números-chave da Matemática Bíblica.

          É uma simetria simples, clara, e que ninguém pode contestar.



Moacir Junior – morganne777@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário