Enciclopédia Arquivo7 no MEGA

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

ENCICLOPÉDIA VIRTUAL DE PROFECIA, SIMETRIA E MATEMÁTICA BÍBLICA

ENCICLOPÉDIA ARQUIVO 7 - O QUE É E COMO USÁ-LA

Rigorosamente falando, uma enciclopédia é uma “obra em que se tratam muitos ramos da atividade e do saber humano (dicionário Aurélio on-line).” “Pode ser tanto um livro de referência para praticamente qualquer assunto do domínio humano como também uma obra na internet”, diz a Wikipédia, a famosa enciclopédia virtual.

Os estudiosos costumam destacar dois tipos de enciclopédias:

“... genéricas, que coletam conhecimentos de todo o conhecimento humano (como, por exemplo, a Encyclopaedia Britannica), ou especializadas, com tópicos relacionados a um assunto específico (como, por exemplo, uma enciclopédia de medicina ou de matemática).” https://pt.wikipedia.org/wiki/Enciclopedia.

Após tantos anos de estudo, investigação e dedicação aos temas bíblico-teológicos, consegui organizar grande parte do conhecimento adquirido numa espécie de livrão virtual (atualmente com 202 capítulos, e cerca de 25.000 páginas).

Claro que encontrar um assunto específico dentro de 25.000 páginas não é tão simples assim. Por isso, após alcançar 200 capítulos, comecei a pensar numa forma de aperfeiçoar esse trabalho. Aí surgiu a ideia de transformar tudo numa espécie de enciclopédia, facilitando a vida para os pesquisadores.

Tudo o que fiz foi listar todos os temas, tópicos e personagens de destaque (dentro dos estudos), em ordem alfabética, indicando ao lado o número do capítulo do livro virtual onde o referido assunto é abordado.

Por exemplo, digamos que você deseje saber o que o Arquivo7 tem a dizer sobre a atual Guerra na Síria. Você vai até a letra “S”, procura a palavra SÍRIA, e ao lado verá alguns números (128 e 201). Esses são os números dos capítulos do livro ARQUIVO 7, que contém alguma coisa relacionada à Síria e aos conflitos naquela região. Entretanto, isso não significa que, em todo o Arquivo7, só haja essas referências à Síria, porém, esses são os capítulos onde existem mais detalhes.

Personagens que são citados somente uma ou mais de uma vez, porém, com pouquíssimos conteúdos a respeito (uma frase ou citação, por exemplo), não estão classificados no índice alfabético. Por exemplo, em muitos estudos, cito Albert Einstein e Isaac Newton, mas não coloquei seus nomes no índice porque não são destaques nos estudos. Numa futura atualização desta obra, penso em fazer um índice exaustivo, envolvendo todos os personagens históricos e da atualidade, facilitando ainda mais a vida dos pesquisadores.

Finalizando, sou muito grato a Deus por ter chegado até aqui. Sei que essa força de vontade de estudar e divulgar a Palavra de Deus não vem de mim, mas do Pai Eterno. Não sei quanto tempo ainda estarei neste estágio terreno, quais obras o Senhor ainda quer que eu faça para o louvor dEle e engrandecimento do Seu Reino. Mas, por enquanto, acredito que essa Enciclopédia é o meu legado, a prova da minha paixão pelos mistérios bíblicos, a evidência do meu amor pelos enigmas do Eterno.

Não espero ganhar nada (financeiramente falando) com essa enciclopédia – se assim fosse eu não a disponibilizaria gratuitamente na internet. Mas espero que ela possa servir como currículo, certificado ou chave para novas oportunidades de divulgação da Palavra de Deus, em seminários teológicos, conferências, palestras em igrejas, escolas, ou onde mais houver alguém interessado em conhecer as maravilhas dos enigmas celestiais.

Academicamente falando, tenho apenas um diploma de Licenciatura em Matemática (pelo CEFET-MA, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão) e outro de Bacharel em Teologia (pela FATEH, Faculdade Teológica Hokmah, Maranhão). Mas, as pesquisas do Arquivo7 são independentes (ou seja, sem intenção de menosprezo, posso afirmar que nenhuma investigação do Arquivo7 teve qualquer influência – ou ajuda – dos meus diplomas do CEFET e da FATEH).

Entre os anos de 2000 e 2003, quase todo mundo procurando ter um diploma de curso superior em minha pequena cidade e a primeira chance que aparece envolve um curso de Matemática. Um curso de férias, onde assuntos que deveriam levar meses eram aplicados em semanas, num ritmo acelerado, apertado, torturador. Não era exatamente o que eu esperava ou imaginava. E até o presente momento (2015) não tive nenhum retorno financeiro oriundo desse curso.

Sobre o Bacharelado em Teologia, a questão também é simples (e meio frustrante): Um diploma na parede fala mais alto e pode até abrir portas, embora não garanta conhecimento ou autoridade sobre algum assunto. Na verdade, um diploma teológico pode ter algum beneficio (no sentido de permitir oportunidades) se o diplomado é ministro evangélico (pastor, evangelista, etc.). Na minha denominação, porém, se você não for pastor, não tem outra opção para ser “reconhecido” (isto é, ser convidado para palestras, conferências, etc.).

O que eu disse nos dois parágrafos anteriores foi somente para reforçar que meus escassos certificados acadêmicos não tiveram nenhuma participação na criação, desenvolvimento e investigação do Arquivo7 – até porque as investigações do Arquivo7 começaram muito tempo antes, no final da década de 80. Ou seja, se eu fizer quaisquer propagandas (ou me oferecer para ministrar em algum lugar - igreja, escola, etc.), não usarei como currículo meus diplomas universitários (matemática e teologia), mas minha obra ENCICLOPÉDIA ARQUIVO 7.

E se isto não bastar, Shalom!!! Bye, Bye! Mazal Tov à todos! Fiquem com Deus!

Para acessar todos os capítulos do livro virtual, use os links:

- http://sdrv.ms/ZHobAh - no formato Power Point

- http://sdrv.ms/1a28Cw8 - no formato PDF

Ou vá diretamente à minha página www.arquivo7.com.br

Obs: nos mesmos links divulgados acima, você encontrará um arquivo com todos os ítens organizados de forma enciclopédica. O número e o título desse arquivo é: 00 - ENCICLOPÉDIA VIRTUAL ARQUIVO 7.

Qualquer sugestão, crítica ou questionamento, escreva-me.


Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário