Enciclopédia Arquivo7 no MEGA

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

A MEDIDA PERFEITA – Parte 18

As Alianças Divinas e a Simetria Matemática - Um novo capítulo da nossa Enciclopédia virtual

Um dos temas empolgantes no estudo das profecias bíblicas envolve as 8 grandes alianças que Deus fez com a Humanidade, e que são assim classificadas por muitos estudiosos:

1 – Aliança Edênica
2 – Aliança Adâmica
3 – Aliança Noética
4 – Aliança Abraâmica
5 – Aliança Mosaica
6 – Aliança Israelita
7 – Aliança Davídica
8 – Nova Aliança

Elas foram realizadas em momentos-chave na História da Redenção. Mas até recentemente eu não fazia a mínima idéia de como essas alianças estavam conectadas à Razão Áurea.

Como tudo envolve um período de aproximadamente 4000 anos, considere as probabilidades:

1 – Em 4000 anos acontecem 7 eventos importantíssimos relacionados ao mesmo tema: Redenção da Humanidade (coloquei 7 em vez de 8 porque das 8 alianças, uma acontece num tempo impossível de ser calculado – dentro do Jardim do Éden, antes do tempo do homem começar a ser contado);

2 – Esses 7 eventos estão conectados entre si por meio do fenômeno matemático conhecido como Razão Áurea;

3 – Esses 7 eventos foram narrados por diferentes escritores, em diferentes épocas, em diferentes lugares.

Portanto, quais as chances matemáticas de tudo ter acontecido por mero acaso?

Mais detalhes, veja nosso novo estudo. Acesse este link ENCICLOPÉDIA ARQUIVO 7 - CALCULANDO A VERDADE e você será direcionado a uma página contendo todos os estudos em slides já publicados (cerca de 30.000 páginas). Daí é só escolher o estudo e fazer o download para o seu computador.

Também disponível no formato PDF: 
http://sdrv.ms/1a28Cw8

O número (e o título) deste novo estudo é: “236 – A MEDIDA PERFEITA – Parte 18”.

Qualquer sugestão, crítica ou questionamento, escreva-me.

Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

A MEDIDA PERFEITA – Parte 17

O Tempo da Restauração de Todas as Coisas - Um novo capítulo da nossa Enciclopédia virtual

Quando um profeta anota a data da sua profecia, devemos prestar atenção não somente a profecia, mas à data relacionada à ela.

O profeta Ezequiel fez questão de registrar as datas de muitas de suas visões e profecias. Salvo engano, ele fez isso 13 vezes.

Por exemplo:

“Ora aconteceu no trigésimo ano, no quarto mês, no dia quinto do mês, que estando eu no meio dos cativos, junto ao rio Quebar, se abriram os céus, e eu tive visões de Deus. No quinto dia do mês, já no quinto ano do cativeiro do rei Joaquim, veio expressamente a palavra do Senhor a Ezequiel,...” (Ezequiel 1.1-3) – esta foi a primeira visão registrada, enfatizando a DISPERSÃO DE ISRAEL entre as nações.

“NO ano vinte e cinco do nosso cativeiro, no princípio do ano, no décimo dia do mês, catorze anos depois que a cidade foi conquistada, naquele mesmo dia veio sobre mim a mão do Senhor, e me levou para lá.” (Ezequiel 40.1) – E esta foi a última visão registrada, enfatizando a RESTAURAÇÃO DO POVO DE DEUS.

Bem, por incrível que pareça as datas acima estão intimamente relacionadas com a RESTAURAÇÃO POLÍTICA DE ISRAEL E JERUSALÉM em nossa época (nos anos 1948 e 1967, respectivamente).

Mas novas investigações nos levaram a descobrir um intricado padrão envolvendo a Razão Áurea, aumentando ainda mais o peso das evidências a favor da inspiração sobrenatural da Bíblia. Você pode achar o que quiser, pode até contestar minhas conclusões e interpretações para esse fenômeno, mas é impossível contestar que esse tal fenômeno está lá, espalhado por toda a Bíblia.

Só que, na medida em que me aprofundava no estudo da Razão Áurea e os padrões evidentes na Cronologia Bíblica, não fazia idéia de que surpresas maiores me aguardavam. E, quando examinei as alianças entre Deus e o Seu povo e as épocas em que aconteceram, fiquei novamente chocado. Esse tema será tratado no próximo capítulo.

Mais detalhes sobre as datas de Ezequiel e os padrões proféticos relacionados à Razão Áurea, veja nosso novo estudo. Acesse este link ENCICLOPÉDIA ARQUIVO 7 - CALCULANDO A VERDADE e você será direcionado a uma página contendo todos os estudos em slides já publicados (cerca de 29.000 páginas). Daí é só escolher o estudo e fazer o download para o seu computador.

Também disponível no formato PDF: 
http://sdrv.ms/1a28Cw8

O número (e o título) deste novo estudo é: “235 – A MEDIDA PERFEITA – Parte 17”.

Qualquer sugestão, crítica ou questionamento, escreva-me.
Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com


sexta-feira, 14 de outubro de 2016

A MEDIDA PERFEITA – Parte 16

... E Ele nos garantiu a entrada na Terra Prometida - Um novo capítulo da nossa Enciclopédia virtual

Cronologia Bíblica é um tema interessante, esclarecedor, impressionante, mas, algumas vezes, frustrante. Neste novo estudo, em busca de novas evidências da Razão Áurea na Bíblia, me envolvi em mais uma pesquisa exaustiva, e, como resultado, apresento aos estudiosos dos mistérios bíblicos uma singela, mas esclarecedora, Cronologia Bíblica.

Sete coisas que você deve ter em mente quando for estudar Cronologia Bíblica:

1 – Discordância entre estudiosos - É comum existirem divergências entre os estudiosos no estudo das cronologias bíblicas. Mas isso não significa que, entre eles, não haja concordância em vários pontos.

2 – Na Bíblia existem datas exatas e datas aproximadas - O fato impressionante é que a Bíblia se preocupa muito em datar seus eventos (frequentemente, os escritores bíblicos citam os anos e tempos dos domínios dos reis, com uma exatidão que deixa perplexo muitos historiadores). Mas, por outro lado, existem eventos dos quais não se é possível saber as datas exatas.

Entretanto, ainda que não tenhamos certeza exata em relação à data de certo evento, podemos ter uma ideia APROXIMADA dele. E isso já vale alguma coisa.

3 – Existem datas com as quais quase todo mundo concorda - O cativeiro de Israel por meio do Império Assírio, por exemplo (722-721 a.C.), o cativeiro babilônico e a destruição de Jerusalém (606-587 a.C.), etc.

4 – E existem datas que dividem os estudiosos em, pelo menos, dois grupos - O Êxodo de Israel do Egito teria acontecido:

a) Entre os anos 1270 e 1260 a.C., ou:
b) Entre os anos 1447 e 1446 a.C.

5 – A Bíblia cita muitas datas - Especialmente nos livros proféticos e históricos, vemos dezenas de datas relacionadas, principalmente, aos governos dos reis israelitas ou gentios.

6 – Harmonizando as datas citadas na Bíblia, podemos ter uma certeza razoável da época exata ou aproximada de certos eventos da História Sagrada.

7 – As misteriosas lacunas - Muitas vezes, os cronistas e historiadores bíblicos parecem omitir certos números ou datas obedecendo a certos princípios divinos.

Bem, baseando-me em todas as datas citadas na Bíblia consegui elaborar a tabela cronológica de forma independente, sem consultar as obras oficiais sobre o assunto. Depois, quando fiz a comparação, vi que a minha tabela e as mais usadas nos compêndios teológicos coincidiram na maioria dos casos.

Aí quando fui examinar alguns acontecimentos bíblico-históricos, à luz da Razão Áurea quase cai da cadeira, por diversas vezes.

Mais detalhes, veja nosso novo estudo. Acesse este link ENCICLOPÉDIA ARQUIVO 7 - CALCULANDO A VERDADE e você será direcionado a uma página contendo todos os estudos em slides já publicados (cerca de 29.000 páginas). Daí é só escolher o estudo e fazer o download para o seu computador.

Também disponível no formato PDF: 
http://sdrv.ms/1a28Cw8

O número (e o título) deste novo estudo é: “234 – A MEDIDA PERFEITA – Parte 16”.

Qualquer sugestão, crítica ou questionamento, escreva-me.

Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

A MEDIDA PERFEITA – Parte 15

O Deus da Perfeição e o mais perfeito conceito matemático - Um novo capítulo da nossa Enciclopédia virtual

Mesmo a RAZÃO ÁUREA tendo sido, exaustivamente, investigada por centenas de estudiosos, durante séculos, algo passou desapercebido pela maioria deles: O fenômeno RAZÃO ÁUREA na Bíblia.

Muito além da mera coincidência - O fenômeno da RAZÃO ÁUREA na Bíblia é um tema praticamente desconhecido por quase todos os estudiosos. Embora poucos já tivessem observado a conexão entre a Razão Áurea e alguns elementos bíblicos, tais como a Arca de Noé, a Arca da Aliança e o Altar do Holocausto (israelita), podemos seguramente afirmar que todos os outros detalhes divulgados nesta série de estudos (15 capítulos até agora), são EXCLUSIVIDADE do Blog Arquivo7.

As descobertas do autor do blog, a respeito desse assunto, são frutos de pesquisas pessoais (embora não possamos garantir que outras pessoas, em diferentes lugares do mundo não tenham chegado às mesmas descobertas e conclusões).

Mas essas coincidências (envolvendo acontecimentos bíblicos e Razão Áurea) seriam SIGNIFICATIVAS? Nos estudos anteriores já respondemos a essa pergunta AFIRMATIVAMENTE. Porém, desejamos REAFIRMÁ-LA, com novas evidências.

Uma das evidências apresentadas neste novo estudo é intitulada OS 4 MOMENTOS MAIS FELIZES DE ABRAÃO. Observe os fatos e tire suas conclusões:

Fato 1 – Abraão ficou muito feliz quando nasceu Ismael, seu primeiro filho – e a Bíblia diz que o patriarca tinha 86 anos quando isso aconteceu;

Fato 2 – Abraão ficou mais feliz ainda quando nasceu Isaque, filho de sua amada esposa Sara – mais uma vez o texto bíblico revela a idade do patriarca nessa época: 100 anos;

Fato 3 – O casamento de Isaque foi outro momento de grande alegria para Abraão – e os dados bíblicos são claros: o velho patriarca tinha 140 anos nessa época;

Fato 4 – Quando nasceram os gêmeos Esaú e Jacó, filhos de Isaque, o mais amado dos filhos de Abraão, este amigo de Deus tinha 160 anos;

Fato 5 – A razão entre 160 (nascimento de Jacó) e 100 (nascimento de Isaque) é 1,6 (Razão Áurea);

Fato 6 – A razão entre 140 (casamento de Isaque) e 86 (nascimento de Ismael) é 1,6 (Razão Áurea).

Tudo isso seriam meras coincidências se não estivessem relacionadas com um pacote muito maior envolvendo a Razão Áurea, como já temos demonstrado em capítulos anteriores.

A questão é: será que os escritores bíblicos tinham conhecimento desse fenômeno matemático? Será que manipularam tudo isso? Ou será que isso é mais uma evidência de uma Mente muito Inteligente, Extraterrena, administrando e controlando os eventos históricos?

Mais detalhes, veja nosso novo estudo. Acesse este link ENCICLOPÉDIA ARQUIVO 7 - CALCULANDO A VERDADE e você será direcionado a uma página contendo todos os estudos em slides já publicados (cerca de 29.000 páginas). Daí é só escolher o estudo e fazer o download para o seu computador.

Também disponível no formato PDF: 
http://sdrv.ms/1a28Cw8

O número (e o título) deste novo estudo é: “233 – A MEDIDA PERFEITA – Parte 15”.

Qualquer sugestão, crítica ou questionamento, escreva-me.

Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com