domingo, 28 de julho de 2019

APRESENTANDO O ARGUMENTO DA MATEMÁTICA BÍBLICA – 2ª versão


1 – A Bíblia é uma coleção de livros, escritos durantes 1.500 anos por cerca de 40 autores diferentes, em diferentes épocas, diferentes lugares, e de diferentes profissões;

2 – Ela passou por três principais fases:

1ª – ELABORAÇÃO DOS LIVROS – Durante 1.500 anos;

2ª – O CÂNON – A seleção e organização didática dos livros – Primeiros três séculos da Era Cristã, por pessoas que NÃO CONHECERAM os autores originais;

3ª – A CLASSIFICAÇÃO em capítulos e versículos – Na Idade Média, por pessoas que NÃO CONHECERAM os responsáveis pelo CÂNON.

3 – Existem centenas de padrões matemáticos na classificação dos capítulos da Bíblia, envolvendo os MESMOS NÚMEROS-CHAVE dos padrões matemáticos da primeira frase do Gênesis, no original hebraico;

4 – Pela Lei das Probabilidades, é impossível que esses padrões matemáticos tenham aparecido por mero acaso. Alguém os colocou lá;

5 – Mas os números envolvidos nesses padrões são tão grandes que somente em avançadas calculadoras modernas foi possível calculá-los;

6 – Sendo assim, a premissa 5 torna impossível a participação humana na elaboração desses padrões;

CONCLUSÃO – Portanto, só Alguém, tipo Deus, seria capaz de elaborar tais padrões.

Cada uma das premissas acima são evidenciadas e demonstradas na Enciclopédia Arquivo7. Para alguém provar que a conclusão é falsa, primeiro tem que provar que, pelo menos, uma das alternativas acima é falsa. Alguém quer tentar?

Mais detalhes sobre a tese defendida, veja na Enciclopédia Arquivo7, totalmente disponível para download, em PDF ou PowerPoint. Clique aqui para acessar os links com os arquivos:


Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário