Enciclopédia Arquivo7 no MEGA

terça-feira, 16 de abril de 2013

ISRAEL – UMA PEDRA NO SAPATO DOS INCRÉDULOS


ISRAEL, 65 ANOS! AS PROFECIAS SE CUMPREM!
         É possível um noticiário internacional do dia não envolver Israel? É possível lermos algum jornal atualmente (ou assistirmos a algum telejornal) que não tenha alguma notícia relacionada ao Oriente Médio?
         Hoje (16 de abril de 2013) Israel está celebrando seu 65.º Aniversário de Independência e muitos eventos a respeito estão sendo realizados em Israel e também em toda parte do planeta onde exista uma comunidade judaica. Na verdade, Israel renasceu como nação em 14 de maio de 1948 (no calendário gregoriano), sendo 5 de Iyyar de 5708 no calendário judaico. Neste ano, 5 de Iyyar caiu em 16 de abril.

         Mas qual o significado disso para o mundo? Por que a Independência do Estado de Israel é tão significativa?
         Israel é como um relógio que mostra quanto tempo falta para o Retorno de Cristo. É o país mais contraditório e mais comentado do mundo. Por que? São tantas as perguntas: 
         01 - Por que justamente a terra onde Jesus nasceu e viveu é palco diário de violência e massacres? 
         02 - Por que grande parte do mundo acredita que Jesus é o Salvador enviado por Deus, mas justamente os judeus – irmãos de sangue de Jesus – até hoje aguardam outro salvador? 
         03 - Se os judeus são o Povo Escolhido, por que Deus permitiu que Adolf Hitler assassinasse 6 milhões deles?
         04 - Por que todas as grandes nações e organizações mundiais (Rússia, China, União Européia, ONU, e a superpotência Estados Unidos) têm se preocupado com os conflitos entre Israel e o povo árabe, se em outras partes do planeta há massacres ainda mais violentos (Síria, Serra Leoa, e outros países africanos dominados por regimes totalitários, etc.)? 
         05 - Por que Israel, um país tão pequeno (menor que Sergipe, o menor Estado do Brasil) tira o sono das grandes potências e até do Vaticano? 
         06 - Por que é que Israel, sendo tão pequeno (os árabes são 640 vezes maiores) enfrentou 6 guerras deste sua Restauração Nacional em 1948 (em muitas delas atacado até de surpresa pelas nações árabes), e venceu todas? Somente em uma (Guerra do Golfo em 1991), teve ajuda direta dos Estados Unidos. 
         07 - Por que as nações tremem de medo da pequena potência nuclear Israel? 
         Como se vê, Israel é um país de contradições que só podem ser explicadas pelas profecias da Bíblia. É o único povo cuja história foi escrita antecipadamente. As profecias bíblicas, escritas há mais de 25 séculos predisseram, em detalhes espantosos, todos os passos dessa milenar nação. Essas profecias são claras, possuem uma linguagem clara, tão clara que até uma criança que sabe ler é capaz de compreendê-las. 
         Em resumo, há centenas de profecias sobre o futuro de Israel e do mundo. Vejamos a seguir a síntese de algumas delas.
         De acordo com as claras profecias bíblicas... 
01 – O POVO DE ISRAEL IRIA REJEITAR O SALVADOR DO MUNDO, ENVIADO POR DEUS
         “... então abandonou a Deus, que o fez, e desprezou a Rocha da sua salvação.” Deuteronômio 32.15.
         “Negaram ao Senhor, e disseram: Não é ele.” Jeremias 5.12.
         “Era desprezado, e rejeitado dos homens; homem de dores, e experimentado nos sofrimentos; e, como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado, e não fizemos dele caso algum.” Isaias 53.3. 
02 – POR ESSA RAZÃO SERIAM EXPULSOS DE SUA TERRA
         “Espalhar-vos-ei por entre as nações e, desembainhando a espada, vos perseguirei; a vossa terra será assolada, e as vossas cidades se tornarão em deserto.” Levítico 26.33.
         “E o Senhor vos espalhará entre todos os povos desde uma extremidade da terra até a outra; e ali servireis a outros deuses que não conhecestes, nem vós nem vossos pais, deuses de pau e de pedra.” Deuteronômio 28.64. 
03 – JERUSALÉM, SUA CIDADE SAGRADA, SERIA DESTRUIDA E DADA A OUTROS POVOS
         “E cairão ao fio da espada, e para todas as nações serão levados cativos; e Jerusalém será pisada pelos gentios, até que os tempos destes se completem.” Lucas 21.24.
04 – SERIAM ESPALHADOS POR ENTRE AS NAÇÕES DO MUNDO TODO
         Dois capítulos escritos cerca de 1500 anos antes dos eventos ocorrerem (Levítico 26 e Deuteronômio 28) mostram, em detalhes estarrecedores a dispersão de Israel entre as nações do mundo todo – Os judeus vagaram durante quase 2000 anos por quase todos os países do mundo. A expressão “judeu errante” reflete muito bem isso.
05 – SERIAM PERSEGUIDOS, MALTRATADOS, INJURIADOS, ZOMBADOS
         Dói o coração quando lemos o que os judeus tiveram que enfrentar em quase 2000 anos de perseguições e preconceitos (Antissemitismo). É impossível lermos os capítulos 26 de Levítico e 28 de Deuteronômio sem reconhecermos o exato cumprimento na história mundial. Como os homens que escreveram essas profecias saberiam com tanta certeza que as coisas iriam se suceder assim?
06 – VAGARIAM COMO VAGABUNDOS DE NAÇÃO PARA NAÇÃO
         “O meu Deus os rejeitará, porque não o ouviram; e errantes andarão entre as nações.” Oséias 9.17. 
07 – SERIAM FORÇADOS A ADORAR OUTROS DEUSES E SERIAM FORÇADOS A SE CONVERTER A OUTRAS RELIGIÕES
         “E o Senhor vos espalhará entre todos os povos desde uma extremidade da terra até a outra; e ali servireis a outros deuses que não conhecestes, nem vós nem vossos pais, deuses de pau e de pedra.” Deuteronômio 28.64.
         Durante a Idade Média (período da Inquisição, milhares de judeus foram torturados e forçados a se converter ao Catolicismo Romano). Muitos, para não morrer, aceitaram as doutrinas católicas, porém continuaram a praticar o judaísmo em reuniões secretas.
08 – PERECERIAM DE FOME, FRIO E PESTES
         “O Senhor te ferirá com as úlceras do Egito, com tumores, com sarna e com coceira, de que não possas curar-te; (...) Com úlceras malignas, de que não possas sarar, o Senhor te ferirá nos joelhos e nas pernas, sim, desde a planta do pé até o alto da cabeça. (...) servirás aos teus inimigos, que o Senhor enviará contra ti, em fome e sede, e em nudez, e em falta de tudo; e ele porá sobre o teu pescoço um jugo de ferro, até que te haja destruído. (...) Consumidos serão de fome, devorados de raios e de amarga destruição; e contra eles enviarei dentes de feras, juntamente com o veneno dos que se arrastam no pó.” Deuteronômio 28.27,35,48; 32.24;   
09 – SERIAM ANGUSTIADOS DE DIA E DE NOITE, SEM SOSSEGO EM SUAS ALMAS
         “E nem ainda entre estas nações descansarás, nem a planta de teu pé terá repouso; mas o Senhor ali te dará coração tremente, e desfalecimento de olhos, e desmaio de alma. E a tua vida estará como em suspenso diante de ti; e estremecerás de noite e de dia, e não terás segurança da tua própria vida. Pela manhã dirás: Ah! quem me dera ver a tarde; E à tarde dirás: Ah! quem me dera ver a manhã! pelo pasmo que terás em teu coração, e pelo que verás com os teus olhos.” Deuteronômio 28.65-67. 

10 – A ANGÚSTIA SERIA TÃO GRANDE QUE CLAMARIAM PELA MORTE
         “E será escolhida antes a morte do que a vida por todos os que restarem desta raça maligna, que ficarem em todos os lugares onde os lancei, diz o senhor dos exércitos.” Jeremias 8.3.
         Por exemplo, no histórico massacre de Massada, entre os anos 66 e 73 d.C, os judeus preferiram se matar do que viver como escravos nas mãos dos romanos.
11 – SERIAM BARBARAMENTE ASSASSINADOS PELAS NAÇÕES “CRISTÃS”, AS QUAIS SE DEFENDERIAM DIZENDO ESTAR PRESTANDO UM SERVIÇO A DEUS
         Os sacerdotes “cristãos” corruptos da Idade Média prometiam bênçãos especiais a quem matasse um judeu, e diziam: “CULPA NENHUMA TEREMOS, PORQUE ELES PECARAM CONTRA DEUS”. Por incrível que pareça essas mesmas palavras foram profetizadas por Jeremias (cap. 50.6,7):
         “Ovelhas perdidas têm sido o meu povo; os seus pastores as fizeram errar, e voltar aos montes; de monte para outeiro andaram, esqueceram-se do lugar de seu repouso. Todos os que as achavam as devoraram, e os seus adversários diziam: Culpa nenhuma teremos; porque pecaram contra o Senhor, a morada da justiça, sim, o Senhor, a esperança de seus pais.”
         Mas Deus disse que castigará todos aqueles que amaldiçoarem os judeus (Gênesis 12). É matemático: Todas as nações que já tentaram destruir os judeus desapareceram da terra ou sofreram violentos julgamentos. Deus também disse que abençoaria aqueles que abençoassem os judeus (Gênesis 12 e Salmo 122). Essa é uma das razões por que os Estados Unidos (apesar das crises) mantém-se como superpotência mundial.
12 - SERIAM DIZIMADOS PELOS INIMIGOS TÃO VIOLENTAMENTE QUE RESTARIAM POUCOS EM NÚMEROS
         “E o Senhor vos espalhará entre os povos, e ficareis poucos em número entre as nações para as quais o Senhor vos conduzirá.” Deuteronômio 4.27
         “Assim ficareis poucos em número, depois de haverdes sido em multidão como as estrelas do céu; porquanto não deste ouvidos à voz do Senhor teu Deus.” Deuteronômio 28.62. 
13 – SEUS CORPOS SERIAM EXPOSTOS AO SOL, EM GRANDE QUANTIDADE, QUE O MUNDO FICARIA ABALADO AO VÊ-LOS
         “Eu farei que sejam espetáculo horrendo, uma ofensa para todos os reinos da terra, um opróbrio e provérbio, um escárnio, e uma maldição em todos os lugares para onde os arrojarei.” Jeremias 24.9;
         “O Senhor fará que sejas ferido diante dos teus inimigos; por um caminho sairás contra eles, e por sete caminhos fugirás deles; e serás espetáculo horrendo a todos os reinos da terra. Os teus cadáveres servirão de pasto a todas as aves do céu, e aos animais da terra, e não haverá quem os enxote.” Deuteronômio 28.25-26.
         Durante o Holocausto na II Guerra Mundial, o mundo testemunhou o genocídio da nação judaica, com o terrível saldo de 6.000.000 de mortos. Nunca se viu coisa parecida entre os outros povos. A população judaica ficou grandemente reduzida.

14 – ESTA DISPERSÃO DURARIA QUASE 2000 ANOS
         Os profetas disseram que depois de “dois dias” Israel renasceria espiritualmente, após seu renascimento nacional!
         “Vinde, e tornemos para o Senhor, porque ele despedaçou e nos sarará; fez a ferida, e no-la atará. Depois de dois dias nos ressuscitará: ao terceiro dia nos levantará, e viveremos diante dele.” Oséias 6.1-3.
         Nas profecias um dia para Deus é como 1000 anos e 1000 anos como um dia:
         “Mas vós, amados, não ignoreis uma coisa: que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia.” II Pedro 3.8.
         “Porque mil anos aos teus olhos são como o dia de ontem que passou, e como uma vigília da noite.” Salmo 90.4.
         Hoje, 2000 anos depois dos dias da Primeira Vinda de Cristo, Israel já renasceu como nação e cresce cada vez mais. Só falta agora sua restauração espiritual, que acontecerá no Retorno de Cristo. 
15 – OS PROFETAS DISSERAM MUITAS VEZES QUE NOS ÚLTIMOS DIAS DA HISTÓRIA DEUS TIRARIA OS JUDEUS DE ENTRE TODAS AS NAÇÕES, OS CONGREGARIA DE TODAS AS EXTREMIDADES DA TERRA, E OS TRARIA DE VOLTA À SUA PÁTRIA
         Há mais profecias falando do Retorno de Israel do que da sua Dispersão. E, como eu disse anteriormente, as profecias bíblicas sobre Israel são tão claras que até uma criança em idade escolar é capaz de entendê-las. Alguns exemplos: 
         “E vos tomarei dentre as nações, e vos congregarei de todas as terras, e vos trarei para a vossa terra.” (Ezequiel 36.24). 
         “Portanto profetiza, e dize-lhes: Assim diz o Senhor DEUS: Eis que eu abrirei os vossos sepulcros, e vos farei subir das vossas sepulturas, ó povo meu, e vos trarei à terra de Israel.” (Ezequiel 37.12). 
         “Eis que os trarei da terra do norte, e os congregarei das extremidades da terra; entre os quais haverá cegos e aleijados, grávidas e as de parto juntamente; em grande congregação voltarão para aqui.” (Jeremias 31.8). 
         “Vive o SENHOR, que fez subir os filhos de Israel da terra do norte, e de todas as terras para onde os tinha lançado; porque eu os farei voltar à sua terra, a qual dei a seus pais.” (Jeremias 16.15) 
16 – UM DETALHE INTERESSANTE É QUE OS PROFETAS DISSERAM QUE ISRAEL RENASCERIA COMO NAÇÃO NUM ÚNICO DIA! – E SERIA UM FATO IMPRESSIONANTE PARA AS NAÇÕES.
         “Quem jamais ouviu tal coisa? quem viu coisas semelhantes? Poder-se-ia fazer nascer uma terra num só dia? nasceria uma nação de uma só vez? Mas logo que Sião esteve de parto, deu à luz seus filhos.” Isaias 66.8.
          Isso realmente aconteceu no dia 29 de novembro de 1947, na mesa da ONU, numa reunião liderada pelo então Secretário Geral, Oswald Aranha, um brasileiro. No ano seguinte, 14 de maio de 1948, foi proclamada a Independência do novo Estado de Israel – um cumprimento espetacular da profecia! 
MAS OS PROFETAS TAMBÉM DISSERAM QUE:
17 - OS INIMIGOS DOS JUDEUS TENTARÃO ARRANCÁ-LOS NOVAMENTE DE SUA TERRA – PORÉM DEUS NUNCA MAIS PERMITIRÁ TAL COISA!
         “Também trarei do cativeiro o meu povo Israel; e eles reedificarão as cidades assoladas, e nelas habitarão; plantarão vinhas, e beberão o seu vinho; e farão pomares, e lhes comerão o fruto. Assim os plantarei na sua terra, e não serão mais arrancados da sua terra que lhes dei, diz o senhor teu Deus.” Amós 9.14-15. 

18 - ELES RESISTIRÃO HEROICAMENTE E SEUS INIMIGOS TREMERÃO DE ESPANTO DIANTE DE SUA LUTA PELA SOBREVIVÊNCIA
         Isso aconteceu especialmente em 1948, 1956, 1967 e 1973.
         “Naquele dia os egípcios serão como mulheres, e tremerão e temerão por vibrar o Senhor dos exércitos a sua mão contra eles. E a terra de Judá será um espanto para o Egito; todo aquele a quem isso se anunciar se assombrará, por causa do propósito que o Senhor dos exércitos determinou contra eles.” Isaias 19.16-17. 

19 - SERÃO ODIADOS FURIOSAMENTE PELOS SEUS VIZINHOS ÁRABES, E PELAS NAÇÕES MUNDIAIS
         “Ó Deus, não guardes silêncio; não te cales nem fiques impassível, ó Deus. Pois eis que teus inimigos se alvoroçam, e os que te odeiam levantam a cabeça. Astutamente formam conselho contra o teu povo, e conspiram contra os teus protegidos. Dizem eles: Vinde, e apaguemo-los para que não sejam nação, nem seja lembrado mais o nome de Israel.” Salmo 83.1-4.  
         “E naquele dia, tratarei de destruir todas as nações que vierem contra Jerusalém.” Zacarias 12.9
         Em Amós 9.15, Deus diz sobre Israel: “PLANTÁ-LOS-EI NA SUA TERRA, E, DESSA TERRA QUE LHES DEI, JÁ NÃO SERÃO ARRANCADOS, DIZ O SENHOR TEU DEUS”.  Desde 1948 até agora têm sido infrutíferas todas as tentativas de se expulsar Israel de sua terra. Eles enfrentaram 6 grandes guerras (1948, 1956, 1967, 1973, 1982 e 1991), e continuam lá.  
         Levando-se em consideração a superioridade militar dos árabes, é difícil acreditar que Israel tenha vencido todas essas guerras sem a ajuda de Deus. Na verdade, os profetas disseram que Deus haveria de lutar por Israel no final dos tempos. 
         “Pois eu ajuntarei todas as nações para a peleja contra Jerusalém; e a cidade será tomada, e as casas serão saqueadas, e as mulheres forçadas; e metade da cidade sairá para o cativeiro mas o resto do povo não será exterminado da cidade. Então o Senhor sairá, e pelejará contra estas nações, como quando peleja no dia da batalha.” Zacarias 14.2,3.
         As duas piores guerras, que quase destruíram Israel foram as de 1967 (Guerra dos 6 dias) e 1973 (Guerra do Yom Kippur). Em 1973 Israel foi até pego de surpresa (pois era o dia da Expiação,Yom Kippur, o dia mais sagrado do calendário judaico), quando até mesmo os soldados deixam as armas e vão jejuar.
         Mas o resultado das duas guerras surpreendeu as nações.
- Guerra de 1967 – nos 6 dias da guerra morreram 10.000 egípcios, 15.000 jordanianos e milhares de sírios, iraquianos e combatentes de outros países. Somente o Egito perdeu 400 aviões, 600 tanques e milhares de peças de artilharia, munições, armas leves e veículos, superando o valor de um bilhão e meio de dólares. Em toda a guerra, apenas 776 soldados judeus perderam a vida.  E Israel ainda reconquistou Jerusalém que estava há 2.500 anos em mãos estrangeiras. Coincidência? Sorte?  Não! Foi o cumprimento de Amós 9.15: “...DESSA TERRA QUE LHES DEI, JÁ NÃO SERÃO ARRANCADOS, DIZ O SENHOR TEU DEUS.”  
- Guerra de 1973 – Segundo cálculos do Instituto Estratégico Internacional, sediado em Londres, egípcios e sírios perderam nesta guerra o total de 22.000 homens, tendo o Egito 15.000 mortos e 45.000 feridos, e a Síria 7.000 mortos e 21.000 feridos.  Israel teve 2.812 mortos e 7.500 feridos. 
         Observem a diferença entre soldados mortos do lado de Israel e do lado dos seus inimigos nessa guerra de 1973. E, lembrem-se: Israel tinha sido atacado de surpresa!
         No livro de Números (capítulo 24.18) diz: “ISRAEL FARÁ PROEZAS”. 
         E lemos ainda no profeta Zacarias, que, nos tempos finais, Deus colocará Israel “... como um braseiro ardente no meio de lenha, e como um facho entre gavelas; e eles devorarão à direita e à esquerda a todos os povos em redor; e Jerusalém será habitada outra vez no seu próprio lugar, mesmo em Jerusalém.” (Zacarias 12.6).
20 – AS PROFECIAS BÍBLICAS DECLARARAM QUE A TERRA DE ISRAEL, DEVASTADA PELAS GUERRAS, SERIA RESTAURADA DE TAL FORMA QUE SERIA COMPARADA AO JARDIM DO ÉDEN
         “E a terra que estava assolada será lavrada, em lugar de ser uma desolação aos olhos de todos os que passavam. E dirão: Esta terra que estava assolada tem-se tornado como jardim do Éden; e as cidades solitárias, e assoladas, e destruídas, estão fortalecidas e habitadas.” Ezequiel 36.34,35.
         “Dias virão em que Jacó lançará raízes; Israel florescerá e brotará; e eles encherão de fruto a face do mundo.” Isaias 27.6. 
21 – ATÉ MESMO O DESERTO SERIA COBERTO DE FLORES
         “O deserto e a terra sedenta se regozijarão; e o ermo exultará e florescerá; como o narciso florescerá abundantemente, e também exultará de júbilo e romperá em cânticos; dar-se-lhe-á a glória do Líbano, a excelência do Carmelo e Sarom; eles verão a glória do Senhor, a majestade do nosso Deus.” Isaias 35.1,2.
         Atualmente Israel é o 3.º maior exportador de flores para o resto do mundo.
VÁRIAS PROFECIAS SOBRE O RETORNO DE ISRAEL ALERTAVAM QUE:
22 - AS NAÇÕES DO NORTE TENTARIAM IMPEDÍ-LOS DE RETORNAR À SUA TERRA
         “Não temas, pois, porque eu sou contigo; trarei a tua descendência desde o Oriente, e te ajuntarei desde o Ocidente. Direi ao Norte: Entrega; e ao Sul: Não retenhas; trazei meus filhos de longe, e minhas filhas das extremidades da terra;” Isaias 43.5,6. 
         Durante muitos anos, a então União Soviética comunista (no extremo norte, olhando de Israel) impediu que os judeus saíssem de lá.

23 - SERIAM PROIBIDOS DE SAIR DO PAÍS ONDE SE ENCONTRAVAM COMO ESTRANGEIROS
         “Assim diz o Senhor dos exércitos: Os filhos de Israel e os filhos de Judá são juntamente oprimidos; e todos os que os levaram cativos os retêm, recusam soltá-los. Mas o seu Redentor é forte; o Senhor dos exércitos é o seu nome. Certamente defenderá em juízo a causa deles, para dar descanso à terra, e inquietar os moradores de Babilônia.” Jeremias 50.33-34. 
         Também em outros países (especialmente islâmicos) os judeus clamavam por liberdade para retornarem à sua pátria.

24 - MAS DEUS HAVERIA DE FORÇAR AS NAÇÕES A ENTREGAR O SEU POVO
          “Acaso tirar-se-ia a presa ao valente? ou serão libertados os cativos de um tirano? Mas assim diz o Senhor: Certamente os cativos serão tirados ao valente, e a presa do tirano será libertada; porque eu contenderei com os que contendem contigo, e os teus filhos eu salvarei.” Isaias 49.24,25. 

25 - AS NAÇÕES QUE SE RECUSASSEM DEIXÁ-LOS SAIR, SOFRERIAM DURAS CRISES
         “E sustentarei os teus opressores com a sua própria carne, e com o seu próprio sangue se embriagarão, como com mosto; e toda a carne saberá que eu sou o Senhor, o teu Salvador e o teu Redentor, o Poderoso de Jacó.” Isaias 49.26. 
         Então uma pesada crise se abateu sobre o império comunista e as portas foram abertas. Na verdade, foram escancaradas. Pouca gente sabe, mas a maior razão para a queda da Cortina de Ferro Comunista em 1991 foi para que os judeus (presos na União Soviética) pudessem retornar para a terra de Israel. E mais de 300.000 deles retornaram entre os anos 1990 a 1992. Foi incrível ver o noticiário internacional mostrando a chegada de centenas de milhares de judeus ao Aeroporto Ben Gurion, em Israel. 
26 - ELES VOLTARIAM PARA CASA, VOANDO EM ASAS DE ÁGUIA
         “Quem são estes que vêm voando como nuvens e como pombas para as suas janelas?” Isaias 60.8.
         “Andarão após o Senhor; ele bramará como leão; e, bramando ele, os filhos, tremendo, virão do ocidente. Também, tremendo, virão como um passarinho os do Egito, e como uma pomba os da terra da Assíria; e os farei habitar em suas casas, diz o Senhor.” Oséias 11.10-11. 
         “Assim diz o Senhor Deus: Eis que levantarei a minha mão para as nações, e ante os povos arvorarei a minha bandeira; então eles trarão os teus filhos nos braços, e as tuas filhas serão levadas sobre os ombros.” (Isaías 49.22)
         O fato é que, quando os judeus foram trazidos para Israel à bordo de grandes aviões muitos se lembraram dessas passagens bíblicas.
27 – O ÊXODO DOS JUDEUS DA TERRA DO NORTE SERÁ TÃO INESQUECÍVEL QUANTO O DO EGITO
         “Portanto, eis que vêm dias, diz o Senhor, em que nunca mais dirão: Vive o Senhor, que tirou os filhos de Israel da terra do Egito; mas: Vive o Senhor, que tirou e que trouxe a linhagem da casa de Israel da terra do norte, e de todas as terras para onde os tinha arrojado; e eles habitarão na sua terra.” Jeremias 23.7,8.
         A partir de 1990, mais de 300.000 judeus chegaram em Israel saindo diretamente da Rússia e países vizinhos dela (situados ao Norte de Israel). Nós vimos isso acontecer há poucos anos! E o profeta relaciona esse grande êxodo com a chegada do Messias:
         “Eis que vêm dias, diz o Senhor, em que levantarei a Davi um Renovo justo; e, sendo rei, reinará e procederá sabiamente, executando o juízo e a justiça na terra. Nos seus dias Judá será salvo, e Israel habitará seguro; e este é o nome de que será chamado: O SENHOR JUSTIÇA NOSSA.” Jeremias 23.5,6.

28 – MUITAS PROFECIAS DÃO DESTAQUE ESPECIAL A CIDADE DE JERUSALÉM, DIZENDO QUE ELA VOLTARIA PARA AS MÃOS DOS JUDEUS, DEPOIS DE MILÊNIOS EM MÃOS INIMIGAS, E SERIA O ESTOPIM PARA A ÚLTIMA GUERRA MUNDIAL (Zacarias 12 e 14)
* Em outros artigos analisamos esse assunto mais detalhadamente.
ISRAEL É UM DESAFIO PARA OS CÉTICOS
         Você sabia que Deus colocou um desafio na Bíblia, dirigido especialmente para os céticos? Leiam com atenção o texto a seguir, retirado de um romance.
         O cenário é uma Universidade brasileira, um debate sobre a veracidade das afirmações bíblicas.
*******
- Alguém trouxe o jornal que eu pedi? Ah, obrigada, James – Leona pegou o jornal e antes de abri-lo, disse:

- Senhoras e senhores, a Bíblia nos ensina que, quando chegar o tempo do Retorno de Cristo, chamado pelos estudiosos de Fim dos Tempos, Israel será a preocupação mundial, e o Oriente Médio noticia freqüente nos jornais. Se isto é verdade, vamos fazer um teste. O mundo atual possui quase 200 países e milhões de cidades. Mas sabe quem iremos encontrar nas páginas internacionais?

         Leona abriu o jornal e leu:

- Vejam as principais manchetes da página internacional.

         “Fracassa nova conferência de paz entre árabes e judeus”

         “Irã continua desafiando potências ocidentais e novamente ameaça Israel”

          “Nova explosão mata 40 pessoas no Iraque.”

         Um país tão pequeno como Israel (menor que Sergipe, o menor Estado do Brasil), e tá sempre no centro das reviravoltas mundiais?

         Meus amigos, existe uma fórmula muito simples para sabermos se Deus existe ou não. É só alguém lançar uma bomba atômica sobre Israel e acabar com os judeus. Pois Deus afirma na Bíblia que, enquanto Ele tiver o controle das leis do Universo nas mãos, Israel existirá. Esta fórmula está descrita detalhadamente em Jeremias 31.35-37 e em 33.19-26. Permitam-me ler só mais esta passagem.

         “Assim diz o Senhor, que dá o sol para luz do dia, e a ordem estabelecida da lua e das estrelas para luz da noite, que agita o mar, de modo que bramem as suas ondas; o Senhor dos exércitos é o seu nome: se esta ordem estabelecida falhar diante de mim, diz o Senhor, deixará também a linhagem de Israel de ser uma nação diante de mim para sempre.”

         “Assim diz o senhor: se puderem ser medidos os céus lá em cima, e sondados os fundamentos da terra cá em baixo, também eu rejeitarei toda a linhagem de Israel, por tudo quanto eles têm feito, diz o Senhor.”

         “Assim diz o senhor: se o meu pacto com o dia e com a noite não permanecer, e se Eu não tiver determinado as ordenanças dos céus e da terra, também rejeitarei a descendência de Jacó...”

         Portanto, meus amigos, se alguém conseguir destruir o sol e a lua, ou as leis fixas que regem o universo, ou for capaz de medir todas as extensões do céu e da terra, esse alguém terá todas as condições para poder exterminar os judeus. Em outras palavras: é impossível aniquilar Israel!

         (Texto retirado do romance “ALMA GÊMEA MATEMÁTICA”, de Moacir R. S. Junior).

*******
ISRAEL – NA MIRA DE SATANÁS
         Se Israel é uma prova da existência e fidelidade de Deus, obviamente a eliminação definitiva desse povo evidenciaria que Deus não existe. Se Israel for destruído, Satanás alcançará, no mínimo, um empate em sua luta contra Deus. Desde o momento em que os israelitas foram escolhidos como o povo do Messias, o povo responsável por trazer a mensagem de Deus aos homens, tornaram-se alvo número 1 de Satanás.
         Por isso o grande inimigo de Deus, durante milênios, usou pessoas, reis e nações na tentativa de aniquilar Israel. Vejamos alguns exemplos históricos incontestáveis: 
         a) No antigo Egito, o Faraó tentou exterminar a nação israelita – mas todos sabem o resultado dessa idéia.
         b) Senaqueribe (rei da Assíria) levou milhares de judeus para o Cativeiro, mas a nação sobreviveu mais uma vez.
         c) Nabucodonosor (rei da Babilônia) levou milhares de judeus para o cativeiro, mas seu reino acabou e Israel continua existindo.
         d) Hamã (Ministro da Pérsia, nos tempos da rainha Ester), fez o rei Assuero assinar um decreto para a eliminação de todos os judeus – mas o tiro saiu pela culatra, Hamã e seus filhos foram enforcados e os judeus é que exterminaram os seus inimigos – uma vitória tão fantástica que eles comemoram até hoje, todos os anos, na Festa do Purim, que acontece entre os meses de Fevereiro e Março.
         e) Antíoco Epifânio, rei da Síria, invadiu Jerusalém, inundou suas ruas com o sangue dos judeus, mas terminou atingido por uma morte horrível – historiadores dizem que ele morreu comido por vermes que saiam de seu ventre. É perigoso lutar contra os judeus!
         f) Herodes – Perseguiu muitos judeus e tentou dominá-los, mas seu reinado foi por água abaixo e os judeus continuam existindo.
         g) O Império Romano assassinou os judeus, usando todas as formas de torturas conhecidas. Mas Roma caiu e Israel continua existindo!
         h) O Vaticano, por meio da Inquisição na Idade Média, forçou os judeus a se converterem ao Catolicismo, exterminou comunidades inteiras em toda a Europa, mas os judeus continuam vivos e fortes.
         i) Hitler e os nazistas tentaram estabelecer um novo reino na terra. Hitler dizia que seu reino duraria mil anos. Seu plano tinha como alvo a eliminação definitiva dos judeus. Mas seu ambicioso reino de 1000 anos não durou nem 7.
         j) Os países comunistas assassinaram muitos judeus (especialmente na antiga União Soviética), mas eles também caíram e Israel continua de pé.
         k) Os árabes, desde 1948, já tentaram eliminar Israel muitas vezes, mas Israel está vivo e mais forte.
         l)      As nações em geral – De acordo com os profetas, um dia Satanás irá seduzir todas as nações e as lançará contra Israel – Mas o resultado já foi decretado por Deus em vários versículos bíblicos – por exemplo, Zacarias 14.1-3:
         “Eis que vem um dia do Senhor, em que os teus despojos se repartirão no meio de ti. Pois eu ajuntarei todas as nações para a peleja contra Jerusalém; e a cidade será tomada, e as casas serão saqueadas, e as mulheres forçadas; e metade da cidade sairá para o cativeiro mas o resto do povo não será exterminado da cidade. Então o Senhor sairá, e pelejará contra estas nações, como quando peleja no dia da batalha.”
         Essa lista acima prova duas coisas:
         - Existe um terrível poder do mal que odeia os judeus;
         - Existe um maravilhoso poder do bem que não permite que Israel seja destruído.
         Deus sempre disciplina o Seu povo, quando este se afasta dos princípios divinos, mas ao mesmo tempo pune severamente as nações que se levantam contra Israel.

         “Não temas pois tu, servo meu, Jacó, diz o Senhor, nem te espantes, ó Israel; pois eis que te livrarei de terras longínquas, e à tua descendência da terra do seu cativeiro; e Jacó voltará, e ficará tranqüilo e sossegado, e não haverá quem o atemorize. Porque eu sou contigo, diz o Senhor, para te salvar; porquanto darei fim cabal a todas as nações entre as quais te espalhei; a ti, porém, não darei fim, mas castigar-te-ei com medida justa, e de maneira alguma te terei por inocente.” Jeremias 30.10,11.
        
           Aliás, como Deus considera Israel e como considera as Nações?

         “Eis que as nações são consideradas por ele como a gota dum balde, e como o pó miúdo das balanças; eis que ele levanta as ilhas como a uma coisa pequeníssima. (...) Todas as nações são como nada perante ele; são por ele reputadas menos do que nada, e como coisa vã." (Isaias 40.15,17)

         “Porém tu, ó Israel, servo meu, tu Jacó, a quem elegi descendência de Abraão, meu amigo; Tu a quem tomei desde os fins da terra, e te chamei dentre os seus mais excelentes, e te disse: Tu és o meu servo, a ti escolhi e nunca te rejeitei. Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça. Eis que, envergonhados e confundidos serão todos os que se indignaram contra ti; tornar-se-ão em nada, e os que contenderem contigo, perecerão. Buscá-los-ás, porém não os acharás; os que pelejarem contigo, tornar-se-ão em nada, e como coisa que não é nada, os que guerrearem contigo. Porque eu, o Senhor teu Deus, te tomo pela tua mão direita; e te digo: Não temas, eu te ajudo. Não temas, tu verme de Jacó, povozinho de Israel; eu te ajudo, diz o Senhor, e o teu redentor é o Santo de Israel.” (Isaías 41.8-14)

MAZAL TOV, ISRAEL!!!

Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com