O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7

O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7
Tudo que você precisa saber para entender a principal linha de investigação do Arquivo7 - O BÁSICO SOBRE MATEMÁTICA BÍBLICA, SEGUNDO A TESE ARQUIVO 7.

domingo, 28 de junho de 2020

A PALAVRA ESCRITA DE DEUS, A PALAVRA VIVA E A MATEMÁTICA BÍBLICA


Uma das afirmações recorrentes dos cristãos é que a Bíblia é a Palavra Escrita de Deus e Jesus é a Palavra Viva; ambos estão intimamente conectados; Jesus é O Centro das Sagradas Escrituras, toda a Bíblia fala dEle, do primeiro ao último capítulo. Diante disso, temos bem firmados os seguintes fatos:

1 – A Bíblia contêm 66 livros;
2 – Jesus é O Centro da Bíblia;
3 – Um dos símbolos da Bíblia é o Candelabro.

Estas três declarações são facilmente provadas e – o que é altamente interessante – são também corroboradas pela Matemática Bíblica. Atente para os seguintes fatos:

1 – OS 66 LIVROS BÍBLICOS, REPRESENTADOS POR SUAS RESPECTIVAS QUANTIDADES DE CAPÍTULOS:

050.040.027.036.034.024.021.004.031.024.022.025.029.036.010.013.010.042.
150.031.012.008.066.052.005.048.012.014.003.009.001.004.007.003.003.003.
002.014.004.028.016.024.021.028.016.016.013.006.006.004.004.005.003.006.
004.003.001.013.005.005.003.005.001.001.001.022

2 – O Nome de JESUS, em grego, tal como aparece na maioria dos textos no Novo Testamento, possui 6 letras que, no alfabeto grego, correspondem aos seguintes valores numéricos:
010.008.200.070.400.200

A soma total dessas letras é 888 (um valor altamente significativo, um múltiplo exato de 37, um dos números-chave da Matemática Bíblica).

ATENÇÃO!!! PARA QUE VOCÊ NÃO FIQUE CONFUSO QUANDO FOR LER O NOME DE JESUS NO GREGO DO NOVO TESTAMENTO...

Algumas pessoas, ao lerem os estudos do Arquivo7 sobre Matemática Bíblica, já me escreveram questionando o seguinte: “Fui calcular o valor numérico do nome Jesus em grego e encontrei um resultado diferente. Como você explica isso?”

Inicialmente, observe três versículos do capítulo 1º de Mateus, em grego (preste especial atenção às palavras negritadas):

Mat_1:1  βιβλος γενεσεως ιησου χριστου υιου δαυιδ υιου αβρααμ
Livro da geração de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão.

Mat_1:16  ιακωβ δε εγεννησεν τον ιωσηφ τον ανδρα μαριας εξ ης εγεννηθη ιησους ο λεγομενος χριστος
E Jacó gerou a José, marido de Maria, da qual nasceu JESUS, que se chama o Cristo.

Mat_1:21  τεξεται δε υιον και καλεσεις το ονομα αυτου ιησουν αυτος γαρ σωσει τον λαον αυτου απο των αμαρτιων αυτων
E dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.

Ficou curioso?

O Nome JESUS aparece no texto grego do Novo Testamento em diferentes formas. Segundo a famosa Concordância de Strong, no NT há 923 ocorrências do Nome Jesus, em três diferentes formas:
Ἰησοῦν129 ocorrências
Ἰησοῦ332 ocorrências
Ἰησοῦς462 ocorrências

Fonte: https://biblehub.com/greek/ie_soun_2424.htm

Por que essa variação? Coisas da gramática grega (na verdade, a gramática de qualquer língua tem suas peculiaridades e esquisitices). Essas variações nos nomes são chamadas pelos estudiosos de CASO NOMINATIVO, CASO ACUSATIVO, CASO DATIVO, etc. O nome original pertence ao caso Nominativo (como a palavra já indica, NOMEADO, NOME), no caso Ἰησοῦς, que é a forma que mais aparece no grego do Novo Testamento. As demais variações do Nome Jesus são derivações conforme a exigência da gramática grega no contexto da frase em que estiver inserida (os detalhes poderão cansar e afastar os leitores, mas os interessados façam uma pesquisa básica na gramática grega).

Nos exemplos citados acima, o nome completo de Jesus, isto é, no seu Nominativo, aparece pela primeira vez em Mateus 1.16.

          Os três nomes possuem os seguintes valores, em grego (os nomes aparecem abaixo, partindo do menos para o mais citado, que é o NOMINATIVO):

Ἰησοῦν
010+008+200+070+400+050 = 738
Ιησου
010+008+200+070+400 = 688
Ἰησοῦς
010+008+200+070+400+200 = 888
         
Veja bem! Justamente o valor do nome de Jesus mais citado na Bíblia (caso nominativo) tem o valor mais significativo, 888 (24 x 37), múltiplo exato de um dos números mais significativos da Bíblia! Portanto, tudo se encaixa.


AGORA UMA EXPERIÊNCIA MATEMÁTICA SIMPLES, MAS DE RESULTADO ESPETACULAR

Se dividirmos o numerozão formado pelos 66 livros (representados por seus respectivos capítulos) pelo número formado a partir dos valores das letras do Nome de Jesus em grego, como não é uma divisão exata, teremos uma sobra. Quanto?

5.140.092.383.791.222

E, se dividirmos essa sobra por 1.189 (total de capítulos bíblicos), como também não é uma divisão exata, teremos um resto de .....................................................................87!!!

E por que destacamos esse valor?

Porque ele corresponde exatamente ao capítulo 37 de Êxodo!!! (e se você é um leitor frequente do Arquivo7 já percebeu o tremendo significado disso, não é mesmo?).

Uma outra forma de ver a coisa: os 66 livros (representados por seus capítulos) contados dentro de uma Roleta de 010.008.200.070.400.200 (as letras do Nome Jesus, em grego), e iremos parar exatamente em Êxodo 37. Não somente um dos raríssimos capítulos bíblicos de número 37, mas justamente o que fala do Candelabro, um dos símbolos mais claros da Palavra de Deus!  (Veja, por exemplo, um artigo em várias partes, intitulado: “A SIMETRIA DO CANDELABRO” – publicado anteriormente neste site).

E não se esqueça de que existem dezenas de simetrias matemáticas que nos levam diretamente para Êxodo 37 (como temos provado na Enciclopédia Arquivo7).

Gosto de enfatizar isso: uma leve mudança de livro ou de capítulo e destruiria essa simetria. Por exemplo, se o Evangelho de João tivesse 20 ou 22 capítulos, ao invés de 21, destruiria não só a simetria revelada hoje aqui, mas todas as demais que já foram publicadas na Enciclopédia Arquivo7. Ou digamos que o Evangelho de João mudasse de lugar. Em vez de estar na 43ª posição da Bíblia, estivesse na 42ª ou 44ª... também alteraria tudo. Para mim, o argumento da Matemática Bíblica detona de vez toda teoria que ensina que a Bíblia está incompleta, que está faltando este ou aquele livro nela, etc. A BÍBLIA CONTÉM SOMENTE 66 LIVROS E 1.189 CAPÍTULOS! NÃO FALTA LIVRO NENHUM, E NÃO CABE MAIS LIVRO NENHUM, NEM UM CAPÍTULO A MAIS, NEM UM CAPÍTULO A MENOS!

Para alguém provar que esta declaração sobre a Bíblia está errada, só precisa demonstrar que as mais de 100 simetrias matemáticas envolvendo os livros e capítulos da Bíblia (e divulgadas no Arquivo7) são meras obras do acaso ou manipulação humana.

De maneira similar à declaração acima, sobre a COMPLETUDE ou PLENITUDE da Palavra Escrita de Deus, o JESUS apresentado na Bíblia é completo, perfeito, não falta nada. Qualquer acréscimo (ou alteração) de qualquer natureza à Sua Sagrada Pessoa, é heresia, artimanha maligna e uma ofensa contra Deus e à Sua Palavra.

"Porque a palavra do SENHOR é reta, e todas as suas obras são fiéis."
(Salmos 33.4)

Moacir R. S. Junior – morganne777@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário