O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7

O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7
Tudo que você precisa saber para entender a principal linha de investigação do Arquivo7 - O BÁSICO SOBRE MATEMÁTICA BÍBLICA, SEGUNDO A TESE ARQUIVO 7.

CALCULANDO A VERDADE - A INSPIRAÇÃO DIVINA DA BÍBLIA PROVADA PELA MATEMÁTICA

 

Uma introdução à Matemática Bíblica defendida no Arquivo7, numa exposição bem didática, ideal para quem está entrando em contato com essa tese pela primeira vez ou deseja apresentá-la a algum amigo. 

O "cânon" bíblico está fechado, com 66 livros e 1.189 capítulos, e, neste livro, apresentamos a evidência matemática como prova. 

"Investigue tudo, acredite apenas no que for provado verdadeiro" (paráfrase de 1 Tessalonicenses 5.21)

Adquira esta obra por meio das seguintes opções:

1 - LIVRO DIGITAL - Leia através do aplicativo Kindle em seu celular, tablet, Kindle e computador. Clique neste link: 

https://amzn.to/3gwP0sA

2 - LIVRO FÍSICO (isto é, impresso) - Adquira a partir deste link:

https://loja.uiclap.com/titulo/ua9006/

sexta-feira, 7 de janeiro de 2022

O DESAFIO DO BERESHIT

 

UMA SIMETRIA MATEMÁTICA INÉDITA NA PRIMEIRA PALAVRA DA BÍBLIA

Para um dos primeiros artigos deste novo ano, é bem significativo que a gente comece pela primeira palavra do primeiro versículo do primeiro capítulo do primeiro livro da Bíblia. No original hebraico, essa palavra contém 6 letras e as letras usadas tinham, no alfabeto mais primitivo, os seguintes símbolos: 

1ª letra – Bet – valor numérico: 2 – símbolo: CASA

2ª letra – Resh – valor numérico: 200 – símbolo: CABEÇA

3ª letra – Alef – valor numérico: 1 – símbolo: BOI

4ª letra – Shin – valor numérico: 300 – símbolo: DENTE

5ª letra – Yod – valor numérico: 10 – símbolo: MÃO

6ª letra – Tau – valor numérico: 400 – símbolo: SINAL 

Um detalhe curioso, que exploraremos outro dia, é que a segunda palavra da Bíblia, BARA (traduzida como “CRIOU”), está dentro da primeira palavra, nas três primeiras letras. Em outras palavras: a primeira metade da palavra traduzida em nossa língua como “NO PRINCÍPIO” é exatamente igual à segunda palavra, traduzida como “CRIOU”. 

Bem, iremos agora explorar, mais detidamente, o valor numérico dessa palavra inicial. 

O valor numérico da primeira palavra da Bíblia, isto é, 913, não tem atração nenhuma à primeira vista. Seus fatores primos (11 e 83) não são significativos dentro da Matemática Bíblica. Se os padrões matemáticos ocultos em Gênesis 1.1 fossem um projeto humano, certamente os articuladores não teriam começado com um valor tão insignificante. Contudo, dentro dos padrões matemáticos descobertos nesse primeiro versículo da Bíblia, o 913 se revela como tendo uma importância fundamental. Sem ele, toda a simetria que temos descoberto desaba. 

Hoje revelaremos mais uma evidência provando que o número 913 foi, digamos, predestinado para estar no grupo das 7 primeiras palavras da Bíblia. Vamos trabalhar agora com duas das quatro celebridades da Matemática Bíblica, 37 e 73. 

Usando 37 e 73, temos duas combinações possíveis numa operação de potências: 

1ª OPERAÇÃO: 37 elevado a 73: 

3011104700937353238603237541531375343444201655270788531783697471044984243073342239158015955057079636461132367224197 

2ª OPERAÇÃO: 73 elevado a 37: 

876891427553566594100617867320358818569086571684042656865573091384553 

Agora divida o primeiro valor pelo segundo e, como não é uma divisão exata, teremos um resto de: 

319824450205760542245258224664549998179841022098960130485906383195222 

Por fim, divida este resto por 2701 (o valor de Gênesis 1.1, que tem como fatores primos justamente 37 e 73). Como esta divisão também não é exata, teremos outra sobra, de exatamente: 913. 

Em síntese: 37^73 dividido por 73^37, dividido por 37x73, tem como resto final 913. 

Era de se esperar que o resultado fosse igual a algum número múltiplo ou de 37 ou de 73, mas deu 913, que não possui nenhuma conexão matemática com os fatores primos de Gênesis 1.1. Sim, 913 não possui nenhuma relação matemática com 37 ou 73, entretanto, faz parte do conjunto das 7 palavras de Gênesis 1.1 (que, somente quando juntas, se tornam múltiplas de 37 e 73), e isso é impressionante. 

OUTRA CONEXÃO INTRIGANTE 

Se dividirmos o número 2200001300010400 (formado pelos valores da 1ª palavra bíblica) por 2701 (o valor da primeira frase bíblica), teremos, como resto, novamente 913!!! 

Se alterarmos a ordem de alguma dessas letras (por exemplo, trocando de lugares a primeira com a última letra) será que o resultado é o mesmo? Não! 

400200001300010002 dividido por 2701, tem como resto 876. 

Como poderemos formar 720 números diferentes com 6 valores, certamente existem outras combinações que resultem em 913. Teríamos que testar os 720 exemplos pra descobrir, o que não é necessário. O fato dos valores da palavra BERESHIT, divididos pelo total de Gênesis 1.1 resultar no próprio valor, já é outra coincidência espetacular. 

Precisamos enfatizar isso: matematicamente falando, o número 913 não possui nenhuma ligação direta com 2701, 37 ou 73. Nenhuma ligação aparente, mas, quando entra em cena a Matemática Bíblica, somos surpreendidos por vários padrões. Por exemplo, o que veremos a seguir (que não é inédito, mas já foi revelado num dos capítulos da Enciclopédia Arquivo7): 

A SOMA DO CENTRO DOS NÚMEROS TRIANGULARES 

Observe o belo arranjo numérico abaixo. 

1

2        3

4        5        6

7        8        9        10

11      12      13      14      15

16      17      18      19      20      21

22      23      24      25      26      27      28

29      30      31      32      33      34      35      36

37      38      39      40      41      42      43      44      45

46      47      48      49      50      51      52      53      54      55

56      57      58      59      60      61      62      63      64      65      66

67      68      69      70      71      72      73      74      75      76      77      78

79      80      81      82      83      84      85      86      87      88      89      90      91

92      93      94      95      96      97      98      99      100    101    102    103    104          105 

Temos os primeiros 14 números triangulares (os números que ficam no final de cada linha, isto é, 1, 3, 6, 10, 15, etc.). Observe que são 7 linhas pares e 7 ímpares. Somente nas ímpares teremos, obviamente, um número central. 

Destaque todos os números centrais (das linhas ímpares) e teremos: 1,5,13,25,41,61 e 85. A soma total deles é igual a 231. Portanto, quando falarmos aqui de SOMA DO CENTRO DOS NÚMEROS TRIANGULARES, você já sabe o que queremos dizer. A questão que devemos responder agora é: QUAL A PRIMEIRA SOMA DO CENTRO DE UMA SEQUÊNCIA DE NÚMEROS TRIANGULARES, QUE É MÚLTIPLA DE 913? 

Por incrível que pareça, vamos encontrar o 913 pela primeira vez somente a partir do triangular de 73, que é 2701 (que também é múltiplo de 37). 

Ou seja, dentro dos primeiros 73 números triangulares somente 37 possuem um centro (isto é, que pertencem às linhas ímpares), e a soma desses 37 centros é igual a: 

1+5+13+25+41+61+85+113+145+181+221+265+313+365+421+481+545+613+685+761+841+925+1013+1105+1201+1301+1405+1513+1625+1741+1861+1985+2113+2245+2381+2521+2665 = 33781 

Que pode ser também visualizado como 37 x 913!!! 

Mais uma vez: é como se o 913, apesar de não possuir nenhuma conexão direta com os 37 e 73, tivesse sido predestinado para estar na primeira frase da Bíblia que possui o valor total justamente de 37 x 73!!! Ou isso foi projetado ou é uma tremenda coincidência! 

"A tua palavra é a verdade desde o princípio, e cada um dos teus juízos dura para sempre." (Salmos 119.160) 

Moacir Junior – moacir37junior@gmail.comwww.arquivo7.com.br

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário