O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7

O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7
Tudo que você precisa saber para entender a principal linha de investigação do Arquivo7 - O BÁSICO SOBRE MATEMÁTICA BÍBLICA, SEGUNDO A TESE ARQUIVO 7.

CALCULANDO A VERDADE - A INSPIRAÇÃO DIVINA DA BÍBLIA PROVADA PELA MATEMÁTICA

 

Uma introdução à Matemática Bíblica defendida no Arquivo7, numa exposição bem didática, ideal para quem está entrando em contato com essa tese pela primeira vez ou deseja apresentá-la a algum amigo. 

O "cânon" bíblico está fechado, com 66 livros e 1.189 capítulos, e, neste livro, apresentamos a evidência matemática como prova. 

"Investigue tudo, acredite apenas no que for provado verdadeiro" (paráfrase de 1 Tessalonicenses 5.21)

Adquira esta obra por meio das seguintes opções:

1 - LIVRO DIGITAL - Leia através do aplicativo Kindle em seu celular, tablet, Kindle e computador. Clique neste link: 

https://amzn.to/3gwP0sA

2 - LIVRO FÍSICO (isto é, impresso) - Adquira a partir deste link:

https://loja.uiclap.com/titulo/ua9006/

quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

EXISTE ALGUMA PROVA ABSOLUTA DA VERACIDADE BÍBLICA?

 

SOBRE CERTEZAS E FAKE NEWS 

No começo da minha vida de fé evangélica, quando comecei a me interessar por profecias bíblicas (ou a doutrina teológica conhecida como ESCATOLOGIA), fui alvejado com algumas críticas e uma delas era que “ESCATOLOGIA É UMA DOUTRINA MUITO CONTROVERSA, CHEIA DE INTERPRETAÇÕES DIFERENTES, CADA UM DIZ UMA COISA, ETC.” 

Na época eu ainda não conhecia nada sobre as leis da Lógica, senão teria percebido logo que o argumento acima é autocontraditório, isto é, fajuto, ou, numa linguagem mais elegante, É UMA FALÁCIA. Por quê? 

Porque se essa argumentação fosse verdadeira, a gente não poderia estudar mais nada na vida, pois qual é a doutrina que não é controversa? Melhor dizendo, se o argumento acima for verdadeiro, devemos deixar de estudar a Bíblia, pois, provavelmente não existe outro livro no mundo com tantas interpretações diferentes. 

Mas, sem dar ouvidos a tais críticas, mergulhei ainda mais no estudo das profecias. Pude constatar entre várias, duas coisas: 

1 – Que realmente existem muitas interpretações diferentes e confusas dentro da Escatologia; 

2 – Mas que, com um estudo aprofundado e respeitando-se as mais rígidas regras de interpretação e, principalmente, as leis da lógica, era possível se chegar a uma interpretação verdadeira da coisa. 

Como prova, nesses últimos 30 anos de estudos, certas crenças cristãs que eu tinha no inicio da minha vida de fé, especialmente relacionadas à Escatologia, fui deixando de lado, na medida em que me aprofundava na investigação. O fato é que, se algo é verdadeiro, será provado como tal, quanto mais você se aprofundar no estudo; e o que é falso, será desmascarado logo que você deixar de ter um conhecimento raso sobre o assunto. 

Quando alguém discorda de alguma crença escatológica minha, procuro saber qual a medida de profundidade do conhecimento do assunto da tal pessoa. Se for profundo, eu respeito e considero suas críticas; se for raso, não perco meu tempo em refutar, por questão de coerência lógica. 

Estou bem ciente de que, dentro da Escatologia, existem temas altamente polêmicos e que constrange os melhores estudiosos sobre o assunto. Por essa razão, evito ser dogmático sobre tais temas, pois acredito que, onde as melhores (e mais experientes) mentes não conseguiram chegar a um acordo, seria arrogante demais da minha parte, querer bater o martelo. E não tem essa de que “essa teoria é defendida pelos MAIS BRILHANTES teólogos”, etc., etc. EXISTEM ESTUDIOSOS ALTAMENTE INTELIGENTES E PIEDOSOS DE TODOS OS LADOS DA BARRICADA! 

É claro que as graduações de uma pessoa dão uma certa segurança e autoridade sobre aquilo que ele defende, mas é fato que qualquer estudioso, por mais inteligente e preparado que seja, não é perfeito e muitas vezes defende algo falso, pensando ser verdadeiro. MAS A VERDADE NÃO DEPENDE DO GRAU DE INTELIGÊNCIA DE QUEM ACREDITA NELA! 

Um analfabeto pode acreditar que Jesus é Deus, mas um teólogo islâmico, com vários doutorados, NÃO ACREDITA. E um teólogo budista, com vários doutorados, não acredita no Alcorão. A VERDADE NÃO DEPENDE DE CRENÇAS RELIGIOSAS ou de uma GRADUAÇÃO ACADEMICA, MAS DOS FATOS E DAS EVIDÊNCIAS! 

É fato que até as pessoas mais inteligentes podem ser cegadas por seu preconceito religioso ou orgulho intelectual. O mais comum nesses casos é o indivíduo fechar os olhos para as evidências ou recusar examinar as evidências. Um cristão, se for um buscador sincero da verdade, não tem medo de ler literatura de outras religiões, pois se o cristianismo for mesmo verdadeiro, nada provará o contrário. 

Entretanto, o que mais atrapalha na busca pela verdade é o conhecimento raso, superficial da coisa. E daí nascem as Fake News. Por exemplo, um cristão recém convertido escuta alguma mensagem escatológica e fica curioso e empolgado com o assunto. Rapidamente procura mais alguma coisa sobre o tema. Aí em vez de buscar sérias obras a respeito da coisa (principalmente livros), começa a pesquisar em canais do Youtube. Então, ou o indivíduo desiste, confuso diante de tantas teorias sensacionalistas expostas, ou resolve acreditar nelas. 

Infelizmente, daqui a pouco ele é atraído para o mundo das teorias conspiratórias, mergulha num mundo de interpretações escatológicas controvertidas e depois passa a desafiar todo mundo, ensinando que as igrejas estão equivocadas no que aprendeu sobre profecias, que tá todo mundo sendo enganado, que os teólogos mentiram, etc., etc. 

Como eu não me canso de dizer por aí: fazer vídeos no Youtube é muito fácil, mas escrever um livro é outra coisa. Quando digo “fácil”, me refiro aqui, é claro, ao conteúdo do vídeo, não as questões técnicas, edição, etc., que requerem muita paciência e um bom conhecimento no assunto. 

Em outras palavras: Gravar uma mensagem de uma hora ou mais, sobre algum assunto que você diz ter autoridade, é uma coisa; pesquisar para escrever um livro sobre o tal assunto, aí é outra conversa. Um livro leva você a pensar; vídeos, nem sempre. Infelizmente, boa parte dos cristãos de hoje está sendo doutrinada mais pelo Youtube do que pelos livros. 

E falando em livros... mesmo um cristão que goste muito de ler não garante muita coisa, pois: é fácil constatar que hoje as livrarias cristãs vendem mais livros devocionais do que comentários bíblicos! 

Um dos problemas dos devocionais é que existem muitas histórias (testemunhos, experiências pessoais) que, depois, são mais valorizadas e propagadas do que a doutrina bíblica exposta (mesmo que superficialmente). E, no meio dessas historinhas existem muitos “causos” que são propagados como verdades e (esse é o mais absurdo!) muitas vezes acabam se tornando doutrinas. 

SOBRE APOLOGÉTICA E MATEMÁTICA BÍBLICA 

A Apologética é a área da Teologia que cuida da defesa da fé cristã, isto é, apresenta argumentos, fatos e evidências que provam a veracidade da Bíblia e do Cristianismo. Existem “toneladas” de obras literárias a respeito disso. Em 30 anos de investigação bíblica posso afirmar que existem muito mais evidências a favor da Bíblia do que sobre qualquer outro livro religioso do mundo. Na verdade, se compararmos as evidências a favor da Bíblia com as evidências a favor de outras literaturas religiosas, é até constrangedor (para as outras religiões). Obra nenhuma é capaz de superar a Bíblia (e nem ao menos se igualar com ela)! 

Existem muitas áreas dentro da Apologética Cristã, mas no Arquivo7 temos coletado e estudado principalmente duas: profecias e matemática (e muito mais matemática do que profecia). 

Todos os que torcem o nariz para a apologética matemática da Bíblia (muitos dentre os próprios cristãos), são incapazes de refutá-las! Eu tenho constatado muito isso em anos recentes. E em quase todos os casos em que tenho desafiado algum crítico dessa matemática bíblica, as reações são: ou mudança de assunto ou absoluto silêncio. E isso diz claramente muita coisa, você não acha? 

          Uma confusão que tenho constatado quase sempre, quando apresento a Matemática Bíblica para alguém, é que geralmente eles pensam que estou falando de NUMEROLOGIA BÍBLICA. Aí eu sou obrigado, pela enésima vez, a explicar a diferença: 

Matemática Bíblica não é a mesma coisa que Numerologia Bíblica. 

1 – Numerologia Bíblica – É simplesmente o estudo do SIGNIFICADO dos números (tipo 6 simboliza o homem, 7 representa a aliança entre Deus e o homem, 40 fala de provação, etc.). Há unanimidade nuns casos, e discordâncias noutros (por exemplo, para uns o 5 representa a GRAÇA de Deus, para outros, RESPONSABILIDADE,..). 

Em suma, o estudo do SIGNIFICADO dos números sempre envolveu discordâncias, é algo que pode ser discutido, debatido, contestado, etc. Símbolos são coisas relativas e, muitas vezes, seus significados não são absolutos, porém, dependem do contexto, das circunstâncias, etc. 

2 – Matemática Bíblica – Aqui não dependemos do SIGNIFICADO dos números para provarmos alguma coisa. Basta apresentarmos os fatos e a simetria simples, clara e absoluta, falará por si mesma. Ou seja, a Matemática Bíblica simplesmente descobre (isto é, revela) os padrões ocultos e impregnados tanto no texto (nos originais hebraicos e gregos) quanto na estrutura dos livros e capítulos (como temos demonstrado neste site e na Enciclopédia Arquivo7). As interpretações que damos aos padrões encontrados podem ser debatidas ou refutadas, mas os fatos (isto é, as constatações), jamais. 

No Arquivo7 lidamos com Numerologia e Matemática Bíblica, mas a ênfase é na Matemática, como prova e autenticação das doutrinas da Inspiração, Imutabilidade, Inerrância e Plenitude Bíblica. E, repito, você pode até negar ou refutar as interpretações que damos aos padrões encontrados, mas nunca conseguirá contestar esses padrões. 

          Por essa razão, a Matemática Bíblica é uma excelente e superpoderosa arma a favor da Apologética Cristã, pois os fatos apresentados são impossíveis de se contestar. Você quer exemplos? Não vou citar nenhum no artigo hoje, mas desafio você a dar uma olhada na Enciclopédia Arquivo7... ou mesmo em alguns artigos publicados neste site. Caso nunca tenha ouvido falar de Matemática Bíblica, ou gostaria de entender melhor a principal tese defendida no Arquivo7, recomendo um texto que escrevi especialmente sobre isso. É intitulado “A ESSÊNCIA DA TESE ARQUIVO7 EM 7 ARGUMENTOS – O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER A PRINCIPAL INVESTIGAÇÃO DO ARQUIVO7” e pode ser lido neste endereço: https://www.arquivo7.com.br/2020/11/a-essencia-da-tese-arquivo7-em-7.html 

"A tua palavra é a verdade desde o princípio"

(Salmos 119.160a) 

“[Deus] Conta o número das estrelas, chama-as a todas pelos seus nomes.”

(Salmos 147.4) 

“E até os cabelos da vossa cabeça estão todos contados.”

(Lucas 12.7) 

Moacir Junior – morganne777@hotmail.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário