O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7

O BÁSICO PARA VOCÊ ENTENDER O ARQUIVO 7
Tudo que você precisa saber para entender a principal linha de investigação do Arquivo7 - O BÁSICO SOBRE MATEMÁTICA BÍBLICA, SEGUNDO A TESE ARQUIVO 7.

CALCULANDO A VERDADE - A INSPIRAÇÃO DIVINA DA BÍBLIA PROVADA PELA MATEMÁTICA

 

Uma introdução à Matemática Bíblica defendida no Arquivo7, numa exposição bem didática, ideal para quem está entrando em contato com essa tese pela primeira vez ou deseja apresentá-la a algum amigo. 

O "cânon" bíblico está fechado, com 66 livros e 1.189 capítulos, e, neste livro, apresentamos a evidência matemática como prova. 

"Investigue tudo, acredite apenas no que for provado verdadeiro" (paráfrase de 1 Tessalonicenses 5.21)

Adquira esta obra por meio das seguintes opções:

1 - LIVRO DIGITAL - Leia através do aplicativo Kindle em seu celular, tablet, Kindle e computador. Clique neste link: 

https://amzn.to/3gwP0sA

2 - LIVRO FÍSICO (isto é, impresso) - Adquira a partir deste link:

https://loja.uiclap.com/titulo/ua9006/

segunda-feira, 28 de junho de 2021

O MAIS CHOCANTE DA MATEMÁTICA BÍBLICA É A SIMPLICIDADE NA COMPLEXIDADE

 

Na minha opinião, a beleza da evidência da Matemática Bíblica como prova da inspiração sobrenatural da Bíblia, está no fato de que é uma evidência simples, mas fundamentada em coisas profundas. E quero destacar aqui o imprescindível papel do computador nessa empreitada. 

Veja uma evidência simples e irrefutável, demonstrando como o computador prova a inspiração sobrenatural da Bíblia: 

1 - 90% das simetrias divulgadas na Enciclopédia Arquivo7 só foi possível se descobrir por causa do computador; 

2 - Pelo que sabemos, não existiam computadores quando a Bíblia foi elaborada; 

3 - O pacote de evidências é grande demais para ser fruto da mera coincidência. A primeira frase da Bíblia, por exemplo, possui apenas 7 palavras e 28 letras, no hebraico original. Entretanto, oculta mais de 300 padrões matemáticos! 

Esses são os fatos. Cabe aos céticos tentarem a contestação. 

O defensor da matemática na apologética bíblica tem que começar, literalmente, do princípio. Em outras palavras, nossa primeira missão é provar que os números 3, 7, 37 e 73 estão impregnados no texto hebraico de Gênesis 1.1 de tal forma que sobrepuja qualquer alegação de mera coincidência. 

Concluída essa parte, apresentar então as evidências de que os mesmos números-chave estão padronizados na estrutura da Bíblia, especialmente na sua divisão em capítulos. 

Qual o maior número que poderemos formar a partir de 3 e 7? Sem sombras de dúvidas, é 73. 

E qual o maior que poderemos formar a partir de 37 e 73? Certamente 7337. 

Agora multiplique o primeiro (73) pelo segundo (7337), e terá 535.601. Imagine uma estrada com 535.601 círculos, em fila indiana, cada um representando um capítulo da Bíblia, desde Gênesis 1 e repetindo-se até chegar ao último círculo. Faça uma caminhada nessa estrada, pisando num círculo de cada vez. Isto é, cada passo, um círculo. No final, quando você chegar ao último círculo, de número 535.601, irá parar, inevitavelmente, sobre o Salmo 73!!! 

Lembre-se: dos 1.189 capítulos bíblicos somente 8 possuem apenas os dígitos 3 e 7: Gênesis 37, Êxodo 37, Jó 37, Salmos 37, Salmos 73, Isaías 37, Jeremias 37 e Ezequiel 37. 

Uma coisa é você apanhar, aleatoriamente, qualquer número e constatar que o tal coincide com um dos 8 capítulos acima; outra, é você descobrir um número formado a partir de 37 e 73 e acabar parando em um dos raros capítulos bíblicos, formado por 3 e 7. 

Na Enciclopédia Arquivo7 estão coletadas centenas de exemplos – uma quantidade muito, muito acima do que poderia ser considerada apenas mera coincidência. 

          E, como já dissemos em muitas outras oportunidades, quando uma “coincidência” é encontrada dentro de outra “coincidência”, fica cada vez mais evidente de que não são apenas coincidências. Veja, por exemplo, o número citado anteriormente (535.601): Ele é fruto de 73 x 7337 e está, sem contestação, relacionado diretamente ao Salmo 73. 

          Agora pegue o número de ordem desse Salmo (isto é, 551) e multiplique por 7337. 

          551 x 7337 = 4.042.687 

          Contando, capítulo por capítulo, desde Gênesis 1, até 4.042.687, iremos parar, inevitavelmente, em Êxodo 37!!! Sim, outro dos raros 8 capítulos bíblicos que contêm somente os dígitos 3 e 7. Como é que pode isso?!!! 

          Como é que, a partir de uma simples operação (73 x 7337), a gente consiga uma conexão direta com dois capítulos bíblicos raros? E lembre-se: os 66 livros bíblicos foram escritos não de uma vez só, mas durante milênios (1.500 anos), foram organizados numa biblioteca muitos séculos depois, numa ordem específica, e classificados em capítulos e versículos muitos outros anos depois. Como é que no final tudo se encaixa matematicamente? Ou você reputa tudo como apenas meras coincidências? Não são coincidências demais para serem apenas coincidências? 

          Pra concluir este artigo, uma matemática bíblica inédita, fortalecendo ainda mais (mesmo sem necessidade) a tese que estamos defendendo. 

Usando os dígitos 3 e 7, só poderemos gerar os seguintes números, que são divisíveis por 37 ou 73: 

*037

*073

*370

*703

*730 

037 pode formar seis números diferentes, mas o 307 é o único que não divide nem por 37 ou 73, por isso, logicamente,  ficou de fora do "clube" acima. No caso, 307 é o único número primo das únicas seis opções possíveis para anagramas de 037. 

Transformando esses cinco números num número só, teremos: 

037.073.370.703.730 

Agora pegue todos os capítulos totais de cada um dos 66 livros bíblicos e forme um número único: 

050.040.027.036.034.024.021.004.031.024.022.025.029.036.010.013.010.042.150.031.012.008.066.052.005.048.012.014.003.009.001.004.007.003.003.003.002.014.004.028.016.024.021.028.016.016.013.006.006.004.004.005.003.006.004.003.001.013.005.005.003.005.001.001.001.022 

Em seguida, apanhe esse numerozão e divida por 037.073.370.703.730, e, como não é uma divisão exata, haverá um resto: 

18.334.793.771.362 

Por fim, divida este valor por 1.189 (total de capítulos bíblicos) e, como também não é uma divisão exata, teremos o seguinte resto: 551... QUE É EXATAMENTE O NÚMERO DE ORDEM DO SALMO 73!!! 

          Explica essa, incréu!!! 

          Outra forma de apresentar essa simetria: Podemos começar afirmando que, paralelos aos 1.189 capítulos bíblicos, só existem 12 números formados por dígitos 3 e 7 ao mesmo tempo: 

037

073

307

337

370

373

377

703

730

733

737

773 

          E desses somente 5 dividem por 37 ou 73: 

037

073

370

703

730 

          Aí se dividirmos o numerozão formado pelos totais dos 66 livros bíblicos, pelo número 037.073.370.703.730, iremos parar exatamente no número de ordem do Salmo 73!!! Uma coincidência espetacular! 

Moacir Junior – morganne777@hotmail.comwww.arquivo7.com.br

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário